Acesso a Intranet

Notícias

BOI: Indicador atinge maior patamar nominal em três anos.

 

A baixa oferta de animais prontos para o abate segue sustentando os preços da arroba na maioria das regiões acompanhadas pelo Cepea. Entre 27 de novembro e 4 de dezembro, o Indicador do boi gordo ESALQ/BM&FBovespa (estado de São Paulo) teve acréscimo de 1,65%, fechando em R$ 110,84 nessa quarta-feira, 4.

Com as altas dos últimos dias, o preço da arroba paulista chegou ao maior patamar nominal desde 18 de novembro de 2011. Quanto às exportações de carne bovina in natura, entre janeiro e novembro, somaram 1,07 milhão de toneladas, volume 25% superior ao embarcado no mesmo intervalo de 2012, segundo dados da Secex.

O montante arrecadado de janeiro a novembro atingiu US$ 4,8 bilhões, um recorde para o período, ainda conforme dados da Secex. Para 2014, as exportações brasileiras devem manter o bom desempenho verificado neste ano, impulsionadas pelas estimativas do Banco Central (Boletim Focus) de dólar a R$ 2,40. O Brasil, maior exportador do produto, vem sendo favorecido pela valorização do dólar ao longo de 2013, o que ampliou a competitividade da carne bovina nacional no mercado externo. Segundo pesquisadores do Cepea, além do câmbio favorável, a abertura de novos mercados deve contribuir com os embarques brasileiros de carne bovina em 2014. As principais apostas são a China, Irã e Arábia Saudita.

Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

 

« voltar