Acesso a Intranet

Notícias

Brasil aposta em abertura de mercados para faturar US$ 8 bi em 2014

 

Pouco após superar a meta anual de faturar US$ 6 bilhões com a exportação de carne bovina, o Brasil já definiu um novo desafio para 2014: alcançar a marca de US$ 8 bilhões em faturamento. Para atingir este resultado, a Associação Brasileira da Indústria Exportadora de Carne (ABIEC) aposta na manutenção de seu status sanitário, assim como da parceria com importantes mercados como Hong Kong e Venezuela, que registraram um crescimento de 70% e 86% entre janeiro e novembro de 2013. Estes mercados, ao lado de Rússia e União Europeia, estão no topo do ranking de países que mais importaram a carne bovina brasileira.
 
O Brasil também prevê a abertura de novos mercados ainda no primeiro semestre do ano que vem. “Teremos uma agenda bastante cheia nos próximos meses, recebendo missões da China ainda em dezembro e Arábia Saudita em fevereiro. Também temos indicativos de que as negociações com o mercado americano deverá avançar, o que nos permite contar com a abertura de ao menos um grande mercado ainda na primeira metade do ano”, explica Antônio Jorge Camardelli, presidente da ABIEC. Além disso, a Associação realizará uma série de ações em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos, a Apex-Brasil, para promover a carne brasileira em outros mercados relevantes, como Emirados Árabes, União Europeia, Cingapura e Irã.
 
A agenda de crescimento da Associação para 2014 passa ainda pelo incremento na participação do país em mercados onde já comercializa carne, como é o caso do Irã, Argélia, Marrocos, Angola e Líbia. “A Venezuela e o Irã, que já são Top 10 no ranking dos mais importantes mercados para os produtos brasileiros, também deverão se consolidar como parceiros cada vez mais importantes, uma vez que são países que enfrentam um momento delicado, especialmente no âmbito alimentar”, afirma Camardelli.
 
O mercado de carne Halal também deverá representar oportunidades para os frigoríficos brasileiros. A expectativa é que o Brasil se torne o primeiro país a ter o processo de comercialização de carne Halal totalmente online, por meio da tecnologia do lacre eletrônico – desenvolvida por uma parceria entre ABIEC e Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP) – e que já está em testes.
 
Carne bovina em 2013

Com vendas de US$ 588 milhões em novembro, o Brasil ultrapassou a meta estabelecida para o ano de 2013 (US$ 6 bilhões). A expectativa agora é que as exportações fechem o ano próximo de US$ 6,5 bilhões, o que resultaria em um crescimento de 12% na comparação com 2012. Em volume, a ABIEC espera atingir um total de 1,5 milhão de toneladas – ou seja, um crescimento de 19,5% em relação ao ano passado.

 

fonte:  Agrolink com informações de assessoria
link: http://www.agrolink.com.br/saudeanimal/noticia/brasil-aposta-em-abertura-de-mercados-para-faturar-us--8-bi-em-2014_188584.html

 

« voltar