Acesso a Intranet

Notícias

Mercado do boi gordo deverá seguir brigado com a baixa oferta de boiadas terminadas e lento escoamento da carne

 

Ao mesmo tempo em que a oferta de animais terminados está restrita, a indústria tenta pagar menos pela arroba do animal terminado já que a demanda por carne bovina é fraca.

Segundo levantamento da Scot Consultoria, o boi casado de animais castrados está cotado em R$8,31 por quilo, uma queda de 2,9% em um mês.

Isso fez com que a margem de comercialização (diferença entre a receita da indústria e o preço pago pelo boi gordo) siga pressionada. Para os frigoríficos que não fazem a desossa, o indicador está em 0,3%, 14,8 pontos percentuais abaixo da média histórica.

Em relação às programações de abates, aquelas indústrias com escalas mais confortáveis são as que possuem contratos a termo ou boiadas próprias. Em muitos casos as escalas estão artificialmente alongadas, já que a ociosidade está elevada e as indústrias estão pulando dias de abate.A expectativa em curto prazo é de que o mercado continue “brigado” com a baixa oferta de boiadas terminadas e com o lento escoamento da carne que limita pagamentos acima da referência.

Scot Consultoria

 

« voltar